sambafoot

Publicidade

Lula decreta luto de três dias pela morte de Rita Lee

Presidente destacou que a artista ajudou a transformar a música brasileira: "Jamais será esquecida"

Lula decreta luto de três dias pela morte de Rita Lee
Publicidade

O presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva (PT), declarou luto oficial de três dias em todo o país pela morte da cantora Rita Lee Jones de Carvalho. O decreto será publicado nesta 3ª feira (9.mai) em edição extra do Diário Oficial da União (DOU).

+ Leia as últimas notícias no portal sambafoot

"Rita Lee Jones é um dos maiores e mais geniais nomes da música brasileira. Cantora, compositora, atriz e multi-instrumentista. Uma artista a frente do seu tempo. Julgava inapropriado o título de rainha do rock, mas o apelido faz jus a sua trajetória", escreveu o presidente em uma rede social.

Rita morreu nesta 2ª feira (8.mai), aos 75 anos, em São Paulo. A "Rainha do Rock Brasileiro" lutava contra um câncer de pulmão desde 2021 e vinha fazendo tratamentos desde então.

Lula ainda afirmou que a artista ajudou a transformar a música brasileira com sua criatividade e ousadia. "Não poupava nada nem ninguém com o seu humor e eloquência. Enfrentou o machismo na vida e na música e inspirou gerações de mulheres no rock e na arte. Jamais será esquecida e deixa na música e em livros seu legado para milhões de fãs no mundo inteiro. Meu abraço fraterno aos filhos Beto, João e Antônio, familiares e amigos. Rita, agora falta você", concluiu.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
lula
rita lee
musica popular brasileira
rock
cristiane noberto

Últimas notícias

Caixa libera parcela do Bolsa Família para beneficiários com NIS final 9

Caixa libera parcela do Bolsa Família para beneficiários com NIS final 9

Recurso pode ser sacado ou movimentado virtualmente; calendário também conta com Auxílio Gás
sambafoot na TV: Brasil tem mais de 900 mil casos prováveis e 195 mortes confirmadas por dengue

sambafoot na TV: Brasil tem mais de 900 mil casos prováveis e 195 mortes confirmadas por dengue

Confira o que foi notícia ao longo do dia e os assuntos que serão destaque nesta quarta-feira (28); assista!
Araras-azuis-de-lear e micos-leões-dourados traficados são repatriados

Araras-azuis-de-lear e micos-leões-dourados traficados são repatriados

Micos-leões estavam desnutridos, com sinais de intoxicação por óleo de motor, enquanto as araras aparentavam estresse; espécies são protegidas por risco de extinção
Mega-Sena acumula e chega a R$ 135 milhões; veja os números sorteados

Mega-Sena acumula e chega a R$ 135 milhões; veja os números sorteados

Quina teve 117 apostas ganhadoras, que vão receber mais de R$ 55 mil cada
José Dirceu está internado com pneumonia no Hospital Sírio-Libanês

José Dirceu está internado com pneumonia no Hospital Sírio-Libanês

Boletim médico diz que quadro é estável, mas não tem previsão de alta
"Espero que o Biden ganhe", diz Lula sobre eleições nos Estados Unidos

"Espero que o Biden ganhe", diz Lula sobre eleições nos Estados Unidos

Presidente também voltou a falar sobre guerra na Faixa de Gaza e reiterou críticas às ações de Israel
TSE fixa regras para uso de inteligência artificial nas eleições 2024

TSE fixa regras para uso de inteligência artificial nas eleições 2024

Restrições incluem “vedação absoluta” ao chamado deepfake e equipara crimes à propagação de fake news
FGTS Digital começa a funcionar nesta sexta-feira, dia 1º de março

FGTS Digital começa a funcionar nesta sexta-feira, dia 1º de março

Empregador poderá usar Pix para depositar Fundo de Garantia do trabalhador
Violência contra a mulher: Denúncias ao Ligue 180 crescem 23% em 2023

Violência contra a mulher: Denúncias ao Ligue 180 crescem 23% em 2023

Central de Atendimento à Mulher recebeu 1.558 ligações por dia no ano passado. Região Sudeste lidera com 288 mil chamadas no total
Câmara aprova urgência de projeto que amplia isenção de Imposto de Renda para até dois salários mínimos

Câmara aprova urgência de projeto que amplia isenção de Imposto de Renda para até dois salários mínimos

Proposta do governo vale para quem recebe até R$ 2,9 mil; mudança está em vigor, mas precisa do Congresso para se tornar permanente
Publicidade
Publicidade
sambafoot Mapa do sitesambafoot Mapa do site