sambafoot

Publicidade

Justiça mantém prisão de dois manifestantes detidos em ato contra privatização da Sabesp

Outros dois detidos tiveram liberdade provisória concedida sob fiança de um salário mínimo

Justiça mantém prisão de dois manifestantes detidos em ato contra privatização da Sabesp
Publicidade

Dois dos quatro manifestantes detidos durante a votação da privatização da Sabesp, na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp), tiveram a prisão mantida após audiência de custódia, nesta 5ª feira (7.dez).

+ Leia as últimas notícias no portal sambafoot

Hendryll Luiz Rodrigues de Brito Silva, estudante da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) e integrante do Movimento Correnteza; e o professor Lucas Borges Carvente, do Movimento Luta de Classes, tiveram a prisão em flagrante convertida em preventiva.

Vivian Mendes da Silva, presidente estadual da organização Unidade Popular; e o metroviário Ricardo Senese, do Movimento Luta de Classes, tiveram liberdade provisória concedida. A fiança estabelecida foi de salário mínimo. 

A Justiça também determinou medidas cautelares como comparecimento mensal ao juízo, justificativa de atividades e atualização de endereço, obrigação de manter endereço atualizado e proibição de se ausentar da comarca em que residem por mais de oito dias sem prévia comunicação.

Publicidade
Publicidade

Assuntos relacionados

sbtnews
portalnews
noticias
justica
sao-paulo
sabesp
alesp
votacao
privatizacao

Últimas notícias

Líderes ocidentais visitam Kiev no dia em que guerra entre Ucrânia e Rússia completa dois anos

Líderes ocidentais visitam Kiev no dia em que guerra entre Ucrânia e Rússia completa dois anos

À tarde, presidente Volodymyr Zelensky deve se reunir com representantes do G7 por videoconferência
Esquema de segurança em ato pró-Bolsonaro em SP terá 2 mil agentes e drones

Esquema de segurança em ato pró-Bolsonaro em SP terá 2 mil agentes e drones

Manifestação é organizada após a Polícia Federal deflagrar no último dia 8 a Operação Tempus Veritatis, que mira uma suposta organização criminosa que tentou dar golpe para manter Bolsonaro na Presidência
STF já condenou 101 réus pelos atos golpistas de 8 de janeiro

STF já condenou 101 réus pelos atos golpistas de 8 de janeiro

As condenações também abrangem o pagamento de indenização de R$ 30 milhões; esse valor será dividido entre todos os condenados
Invasão russa na Ucrânia completa 2 anos: veja 10 perguntas e respostas sobre a guerra

Invasão russa na Ucrânia completa 2 anos: veja 10 perguntas e respostas sobre a guerra

Conflito começou em fevereiro de 2022 e já resultou em impactos significativos para segurança e economia global
Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 110 milhões no sorteio deste sábado (24)

Mega-Sena pode pagar prêmio de R$ 110 milhões no sorteio deste sábado (24)

Valor acumulado é o maior de 2024 até o momento; apostas podem ser feitas até as 19h
FALSO: torcidas organizadas negam ato contra Bolsonaro em São Paulo

FALSO: torcidas organizadas negam ato contra Bolsonaro em São Paulo

Confira a verificação realizada pelos jornalistas integrantes do Projeto Comprova
Lira não tem prazo para analisar pedido de impeachment de Lula; entenda o processo

Lira não tem prazo para analisar pedido de impeachment de Lula; entenda o processo

Denúncia contra o presidente por crime de responsabilidade foi protocolada nesta semana; mais de 130 deputados federais assinaram
Confiança do consumidor brasileiro piorou em fevereiro, diz FGV

Confiança do consumidor brasileiro piorou em fevereiro, diz FGV

Trata-se do pior patamar em 9 meses, que atinge famílias com renda de R$ 2.100 a R$ 9.600,01
Homem é preso após arremessar filho de 11 meses de carro no Rio Grande do Sul

Homem é preso após arremessar filho de 11 meses de carro no Rio Grande do Sul

A ex-mulher também caiu do veículo em movimento e foi atropelada na sequência
Tenente acusado de matar campeão mundial de jiu-jitsu tem salário suspenso pela justiça de São Paulo

Tenente acusado de matar campeão mundial de jiu-jitsu tem salário suspenso pela justiça de São Paulo

Desde agosto de 2022, o tenente Henrique Velozo está detido no presídio Romão Gomes
Publicidade
Publicidade
sambafoot Mapa do sitesambafoot Mapa do site